Pequenas e médias empresas são foco de parceria BNDES-Cielo

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

A Cielo, controlada pelo Banco do Brasil e pelo Bradesco, vai explorar o mercado de crédito para pequenas e médias empresas.

A empreitada da Cielo acontece de carona na iniciativa do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) de popularizar o acesso ao crédito fora dos grandes bancos. 

A companhia e o banco estatal constituíram um Fundo de Investimento em Direitos Creditórios (FIDC), onde foram aportados R$ 529,4 milhões:

  • R$ 450 milhões do BNDES
  • R$ 79,4 milhões da Cielo

Os recursos serão oferecidos a 56 mil pequenas e médias empresas brasileiras com necessidade de capital de giro para atenuar os impactos da pandemia de coronavírus

O juro médio é de 3,25% ao mês e o prazo máximo do empréstimo será de 30 meses.